⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀

HAIM no Lollapalooza Chicago 2016


Retrospectiva é um belo doce. Três anos atrás, Danielle, Este e Alana Haim eram apenas três recrutas da Califórnia sem um álbum no Lollapalooza, em um chuvoso palco Grove com um set de 10 músicas que sugeria estradas douradas, pastos mais verdes, coisas positivas. Era a calmaria antes da tempestade: Days Are Gone estava ainda a dois meses de lançar, Saturday Night Live só ia ligar em Dezembro e elas ainda não eram regulares no Instagram da Taylor Swift. Esses eram tempos inocentes – seus dias de salada, como queira.

Hoje, HAIM é uma das bandas de rock mais populares no hemisfério ocidental. Mas quando o assunto são seus laços com o Lollapalooza, é divertido apontar as similaridades entre antes e depois. Na noite de sábado, elas mais uma vez chegaram com um set estelar de 10 músicas e sem um álbum de novo. É apenas outro tempo de bolso em sua carreira subsequente, só que dessa vez elas estão maiores, melhores e mais corajosas, pelo menos o suficiente para estar em um dos últimos shows do final de semana para agraciar o palco Bud Light.

“Esse é um momento especial para nós – estar neste palco agora,” Este Haim confessou no final do set delas. A baixista divertiu suas centenas de fãs com uma história sobre como ela e Danielle vieram para o festival pela primeira vez em 2007, quando as duas assistiram uma rara performance de Amy Winehouse no mesmo palco. Para elas, foi um momento de inspiração, um que as incitou a continuar tocando, alcançar seus sonhos e fazer turnês pelo mundo.

Do seu local marcado, Este até apontou para onde elas estavam. (Infelizmente Alana era muito nova para ir, o que provocou muitas risadas). Daí, o trio subiu para uma performance incendiária de encerramento de “Falling”, derretendo o espetáculo inteiro em uma performance não-Broadway de Stomp, enquanto as três irmãs batucavam várias baterias. Mas sério, foram as últimas frases da música que eram pra bater mais forte: “never look back, never give up” [nunca olhe para trás, nunca desista].


Alguns discursos de formatura são inspiradores assim.

Autor: Michael Roffman.


Tradução: Lorena Lima.
HAIM no Lollapalooza Chicago 2016 HAIM no Lollapalooza Chicago 2016 Reviewed by Lorena Lima on 23:37 Rating: 5

Sora Templates

DESIGN BY LUDMYLA